terça-feira, 16 de dezembro de 2014

Muay Thai ACMT -zero hora, nota de esclarecimento

Depois de ler a Zero Hora e sua matéria tendenciosa ,pois embora tenha levantado questões pertinentes,as quais há muito tempo ja debatemos .inclusive criamos um fórum de artes marciais para estes debates,dos quais ja realizamos 8 edições.Poderia descorrer aqui sobre muitos fatos apontados, mas para isso temos o fórum de artes marciais e sinto muito que para fazer sensacionalismo a zero hora se interessa ,mas para o cobrir o fórum e divulgar coisas boas de nosso esporte ela nunca da a minima.Voltando ao X da questão há professores que quando se filiaram na federação ja eram grau preto de outras entidades,para estes a ACMT deu autonomia de trabalho ,mas nunca autorizou graduação sem a realização de exame técnico.Diante dos fatos quero deixar claro que não sera permitido há nenhum de nossos professores a realização de qualquer exame sem a minha presença ou do mestre Fernando San Marino, que é nosso diretor técnico e com quem eu trabalho a mais de 20 anos.E ainda que os únicos certificados validos da ACMT são os que tiverem a assinatura do presidente em exercício que no momento sou eu.

domingo, 14 de dezembro de 2014

Não sou um politico,sou um revolucionario!entrega do trabalho de final de semestre da FACULDADE.

Após salientar que no estagio disseram que eu deveria escolher entre o CREAS eo CRAS, eu disse que mesmo sabendo que o CRAS me construiria mais politicamente(Ja fui candidato do PSOL)pois faria visitas domiciliares para estudos sócio economicos,entrando dentro das comunidades ,dentro da casa das pessoas.Expliquei que eu não sou um politico e sim um revolucionário,não faço da politica um, balcão de negócios.Eu irei para o CREAS
pois quero dar uma resposta para a sociedade de Torres sobre os moradores de rua, uma resposta que não seja como fazem os outros munícipios,que não seja colocar o morador de rua no ônibus e manda-lo embora para sua cidade e sim fortalecer seus vínculos familiares e reintegra-los a sociedade.

quinta-feira, 20 de novembro de 2014

Cuba é uma ditadura?

copiei:Um Reacionário perguntou se Cuba era uma ditadura:
Vamos pensar.
A Jornalista Yoani Sánchez entra e sai de Cuba e fala mal do governo no mundo inteiro. Faz afirmações sem apresentar provas.
Nunca foi presa pelas autoridades cubanas.
Pediu exílio na Suíça e voltou para Cuba. Onde trabalha até hoje. Sem sofrer nenhuma punição.
Julian Assange revelou fatos com provas contra o governo dos EUA.
Ficou exilado meses na Embaixada do Equador para não ser preso pelo Governo dos EUA (que defende a liberdade irrestrita). E se for entregue às autoridades pode pegar pena de prisão perpétua.
Qual país é uma ditadura mesmo?

domingo, 16 de novembro de 2014

DESMENTINDO A DIREITA!!!

copiei:COMO É FÁCIL DESMENTIR UM DIREITISTA
Luís Filipe Pondé disse, certa vez na Folha, que o comunismo foi o regime mais assassino da História. Baseado, provavelmente, no Livro Negro do Comunismo (obra que não vale nada), afirmou que o comunismo matou mais gente (por meio da repressão e da fome) do que as duas guerras mundiais juntas.
De acordo com o Livro Negro, o comunismo teria matado POR VOLTA (esse "por volta" mostra o quanto o livro é preciso em sua pesquisa) de 100 milhões de pessoas. A maioria na China; e, na China, a maioria por fome.
Muito bem, no mundo, hoje, morrem de fome por volta de dois milhões de pessoas POR DIA. Mas há um número preciso: em 2011 morreram 842 milhões de pessoas, vítimas da fome.
TODAS ESSAS PESSOAS MORRERAM EM PAÍSES CAPITALISTAS.
Ora, o capitalismo mata, por incompetência de seu sistema, quase um bilhão de pessoas por ano. E esses dados não são de nenhum departamento de propaganda soviético. São da FAO, o órgão das Nações Unidas para a fome no mundo.
Portanto, quando um imbecil, aproveitador e venal como esse Pondé diz uma coisa dessas, rebate-se com um argumento dialético: se o comunismo foi incompetente, por ter deixado APROXIMADAMENTE 20 milhões de pessoas morrerem de fome na China, o capitalismo o é muito mais por deixar morrer a mesma quantidade, não em 20 anos, mas em dez dias. Não na década de 50, mas no século XXI. Ah, mas o mundo tem muito mais gente do que na China. Muito mais, não. Cinco vezes mais. Então, multiplica-se por cinco para chegarmos a uma equação (ridícula, por sinal): isso significa que o capitalismo demoraria, proporcionalmente, a "enormidade" de 50 dias. Esse é o sistema econômico perfeito!

quinta-feira, 23 de outubro de 2014

Serviço Social Ciganos em Tôrres!!!

Ontem no estagio de serviço social vistei uma familia de Ciganos em Torres!
O patriarca da familia era a cara do Marx.